ASSOCIATION BETWEEN P561T POLYMORPHISM IN GROWTH HORMONE RECEPTOR GENE AND MANDIBULAR PROGNATHISM: SYSTEMATIC REVIEW AND METAANALYSIS

  • Mariele Andrade do Nascimento Department of Pediatric Dentistry, School of Dentistry of Ribeirão Preto/University of São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brazil.
  • Daniela Silva Barroso de Oliveira Department of Clinic and Surgery, School of Dentistry, Federal University of Alfenas, Alfenas, MG, Brazil
  • Caio Luiz Bitencourt Reis Department of Clinic and Surgery, School of Dentistry, Federal University of Alfenas, Alfenas, MG, Brazil
  • Letícia Maria Wambier School of Health and Biological Sciences, Positivo University, Curitiba, PR, Brazil
  • Karla Carpio Horta Department of Pediatric Dentistry, School of Dentistry of Ribeirão Preto/University of São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brazil
  • Fabio Lourenço Romano Department of Pediatric Dentistry, School of Dentistry of Ribeirão Preto/University of São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brazil
  • Léa Assed Bezerra da Silva Department of Pediatric Dentistry, School of Dentistry of Ribeirão Preto/University of São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brazil
  • Raquel Assed Bezerra da Silva Department of Pediatric Dentistry, School of Dentistry of Ribeirão Preto/University of São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brazil
  • Paulo Nelson-Filho Department of Pediatric Dentistry, School of Dentistry of Ribeirão Preto/University of São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brazil
  • Erika Calvano Kuchler Department of Pediatric Dentistry, School of Dentistry of Ribeirão Preto/University of São Paulo, Ribeirão Preto, SP, Brazil

Resumo

Objetivo: Por meio de uma revisão sistemática e meta-análise, o objetivo deste estudo foi avaliar a associação entre o polimorfismo P561T em GHR (rs6184) com a maloclusão de Classe III esquelética em diferentes populações. Métodos: Uma ampla pesquisa de estudos foi realizada utilizando os bancos de dados PubMed, Web of Science, Scopus, Cochrane, Google Scholar e Open Grey até dezembro de 2018. O desenho do estudo de acordo com o PECOS foi: P-Pacientes ortodônticos; Polimorfismo P561T em GHR; Causência
de polimorfismo P561T em GHR ; O-alterações na dimensão linear das medidas maxilares e mandibulares; S- Estudos transversais. Os estudos selecionados foram qualificados pela qualidade metodológica em uma escala de 10 pontos. A avaliação em subgrupos. O subgrupo foi realizada de acordo com as medidas lineares avaliadas em dois ou mais estudos, como a seguir: altura corporal, N-S, A’-PTM ‘, Gn-Go, Pog’-Go. Foi
utilizado o modelo de efeito fixo e as diferenças médias foram realizada usando a metanálise de variância inversa. O I2 (95%) foi utilizado para medir heterogeneidade estatística entre estudos, em que valores de I2 de 25%, 50% e 75% significaram baixa, média e alta heterogeneidade, respectivamente. Resultados: A pesquisa inicial identificou 146 estudos. Após excluir resumos duplicados, 138 foram selecionados. Sete
estudos foram incluídos na revisão sistemática. Apenas 1 estudo foi classificado como de baixa qualidade metodológica. Três estudos foram incluídos na meta-análise. A metaanálise demonstrou uma associação entre a medida linear Co-Go e o genótipo CC (p<0,0001), com diferença média e intervalo de confiança de 3,79 [2,06; 5,52]. CC foi associado com maior altura mandibular. Conclusão: O polimorfismo P561T em GHR
está associado à medida Co-Go em asiáticos, com baixo nível de evidência.

Publicado
2019-10-12
Como Citar
NASCIMENTO, Mariele Andrade do et al. ASSOCIATION BETWEEN P561T POLYMORPHISM IN GROWTH HORMONE RECEPTOR GENE AND MANDIBULAR PROGNATHISM: SYSTEMATIC REVIEW AND METAANALYSIS. Revista Científica do CRO-RJ (Rio de Janeiro Dental Journal), [S.l.], v. 4, n. 2, p. 2-11, out. 2019. ISSN 2595-4733. Disponível em: <http://revcientifica.cro-rj.org.br/index.php/revista/article/view/91>. Acesso em: 08 abr. 2020. doi: https://doi.org/10.29327/24816.4.2-2.
Seção
Revisão