ORAL HEALTH CONDITION AND INTERPERSONAL RELATIONSHIP OF SCHOLARS OF A PUBLIC INSTITUTION

  • Maria Cardoso de Castro Berry Departamento de Odontopediatria e Ortodontia, Faculdade de Odontologia, Universidade Federal do Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Sylvia Tristão Departamento de Odontopediatria e Ortodontia, Faculdade de Odontologia, Universidade Federal do Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Luciana Pomarico Departamento de Odontopediatria e Ortodontia, Faculdade de Odontologia, Universidade Federal do Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Ivete Pomarico Ribeiro de Souza Departamento de Odontopediatria e Ortodontia, Faculdade de Odontologia, Universidade Federal do Rio de Janeiro, RJ, Brazil

Resumo

Objetivo:  O objetivo desse trabalho foi avaliar a condição de saúde bucal e analisar a autopercepção do impacto da saúde bucal no relacionamento interpessoal de escolares de uma instituição da rede pública municipal do Rio de Janeiro, Brasil. Método: A amostra foi do tipo não probabilística, sendo composta por 260 crianças e adolescentes, de 8 a 15 anos. A condição bucal foi verificada através de exame clínico de acordo com os critérios da Organização Mundial da Saúde. A percepção dos escolares em relação a própria condição bucal foi avaliada através de entrevista, cujo instrumento foi desenvolvido a partir da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar, 2012 e do Child Perception Questionnaire (CPQ).11-14 Os testes qui-quadrado e Exato de Fisher foram utilizados com nível de significância de 5% (p<0,05). Resultados: 51,5% da amostra apresentou CPOD zero. A análise do questionário mostrou que a maioria está feliz com o próprio sorriso (88,1%). Porém, 35,8% relatou já ter evitado sorrir e 18,5% já deixou de realizar alguma atividade por causa dos dentes. Conclusão: Embora a metade dos escolares se apresente livre de cárie e a maioria goste do próprio sorriso, uma parcela considerável demonstra sentimentos como chateação e vergonha, podendo interferir no relacionamento com seus pares.

Publicado
2019-05-21
Como Citar
BERRY, Maria Cardoso de Castro et al. ORAL HEALTH CONDITION AND INTERPERSONAL RELATIONSHIP OF SCHOLARS OF A PUBLIC INSTITUTION. Revista Científica do CRO-RJ (Rio de Janeiro Dental Journal), [S.l.], v. 4, n. 1, p. 55-60, maio 2019. Disponível em: <http://revcientifica.cro-rj.org.br/index.php/revista/article/view/70>. Acesso em: 26 ago. 2019.
Seção
Artigos