INTEGRATED TREATMENT BETWEEN ORTHODONTICS AND PEDIATRIC DENTISTRY USING THE ULECTOMY TECHNIQUE: CASE REPORT

  • João Victor Frazão Câmara Department of Pediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Flávio de Mendonça Copello Department of Pediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Bárbara Pilla Tavares Department of Pediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Aline Borburema Neves Department of Pediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Antônio Carlos de Oliveira Ruellas Department of Pediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Andréa Vaz Braga Pintor Department of Pediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, RJ, Brazil

Resumo

Introdução: Eventualmente na clínica odontológica, pode ser observada a impacção de dentes, que pode acarretar transtornos para o desenvolvimento da oclusão. Objetivo: Objetivou-se relatar um caso clínico no qual a técnica cirúrgica de ulectomia foi utilizada, associada ao tratamento ortodôntico para auxiliar a erupção dentária de um incisivo central superior. Relato de Caso: Paciente do sexo masculino, 13 anos de idade, Classe I de Angle na fase de dentição mista, com dente 21 incluso e espaço reduzido para sua erupção em função da migração dos dentes adjacentes. Foi montado aparelho fixo com bráquetes prescrição Edgewise, utilizando arco 0,20" aço inoxidável com ômega justo e mola ativa entre os dentes 11 e 22 para recuperação do espaço do 21, mas não observou-se a erupção passiva. Constatou-se presença de tecido gengival fibroso que, ao toque, evidenciava a borda incisal do referido dente. O paciente foi encaminhado para clínica de Odontopediatria para a realização da ulectomia. O procedimento cirúrgico minimamente invasivo, consistiu na exérese do tecido gengival que revestia a coroa do dente 21 não irrompido, permitindo sua erupção no arco dentário. Após a cirurgia, o dente irrompeu e o tratamento ortodôntico corretivo prosseguiu. Conclusão: A técnica da ulectomia associada ao tratamento ortodôntico permitiu restabelecer condições para desenvolvimento da dentição com características estético-funcionais satisfatórias.

Publicado
2020-03-05
Como Citar
CÂMARA, João Victor Frazão et al. INTEGRATED TREATMENT BETWEEN ORTHODONTICS AND PEDIATRIC DENTISTRY USING THE ULECTOMY TECHNIQUE: CASE REPORT. Revista Científica do CRO-RJ (Rio de Janeiro Dental Journal), [S.l.], v. 4, n. 3, p. 68-75, mar. 2020. ISSN 2595-4733. Disponível em: <http://revcientifica.cro-rj.org.br/index.php/revista/article/view/120>. Acesso em: 21 set. 2020. doi: https://doi.org/10.29327/24816.4.3-11.
Seção
Relato de Caso