ORAL HEALTH, IMPACT OF PAIN IN THE LIFE AND PERCEPTION OF USERS ATENDED AT FAMILY HEALTH STRATEGY OF PIRAÍ-RJ

  • Thais Rodrigues Campos Soares Department of Paediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Lucas Alves Jural Department of Paediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brazil http://orcid.org/0000-0002-9772-1562
  • Thayssa Augusto Assis de Araújo Department of Paediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Ivan Rafael de Oliveira Calabrio Department of Paediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Ana Paula Ganem Rosa Martins Ferreira Manager of the Center of Dental Specialties of the Municipality of Piraí, RJ, Brazil
  • Juliana Alves Ferreira Ganem Dentist of the Family Health Program of the Casa Amarela Unit, Piraí, RJ, Brazil
  • Solange Carraro Ganem da Silva Dentist of the Family Health Program of the Ponte das Laranjeiras Unit, Piraí, RJ, Brazil
  • Mirella Giongo Department of Social Dentistry, Faculty of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Maria Cynesia Medeiros de Barros Torres Department of Social Dentistry, Faculty of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brazil
  • Lucianne Cople Maia Department of Paediatric Dentistry and Orthodontics, School of Dentistry, Federal University of Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brazil http://orcid.org/0000-0003-1026-9401

Resumo

Objetivo: identificar as características das demandas por serviços de emergência relacionados à dor nas unidades de saúde da cidade de Piraí, Rio de Janeiro; o grau de satisfação e as percepções dos usuários sobre o serviço prestado quando a necessidade está ligada a situações de urgência relacionadas à dor dentária. Métodos: Usuários das unidades públicas de saúde responderam, durante maio de 2013 até novembro de 2014, através de questionários, dados referentes a sexo, idade, renda familiar mensal, classe econômica, experiências nos serviços de emergência e um questionário McGill para dor validado para a língua portuguesa. Os dados foram analisados descritivamente e pelo teste Qui-quadrado (p<0,05). Resultados: Foram incluídos 137 usuários (40,22 ± 15,74 anos), 73,7% do sexo feminino, 59,9% da classe C e 43,8% com renda entre ½ e 1 salário mínimo. Do total, 54% sentiram alguma dor relacionada a problemas bucais nos últimos 12 meses antes do questionário e destes, 71,6% foram atendidos no serviço, 58% não encontraram dificuldades para obter atendimento, 68,9% resolveram o problema e 73% estavam satisfeitos com o serviço prestado. Apenas 37,2% dos usuários não relataram prejuízo social no trabalho ou no lazer causado por dor dentária. A faixa etária esteve associada à dor relacionada a problemas bucais nos últimos 12 meses (p=0,02) e à necessidade de consultas de emergência no mesmo período (p=0,005). Conclusão: A maioria dos indivíduos atendidos em serviço público era do sexo feminino, a classe econômica e a renda familiar predominante eram, respectivamente, classe C e de ½ a 1 salário mínimo; Dor de dente e dor ao beber líquidos frios ou quentes foram as queixas mais comuns nos últimos 12 meses; Existe associação entre idade e presença de dor dentária e necessidade de tratamento urgente; os participantes deste estudo se consideraram satisfatoriamente atendidos na maioria dos casos. 

Publicado
2020-03-05
Como Citar
SOARES, Thais Rodrigues Campos et al. ORAL HEALTH, IMPACT OF PAIN IN THE LIFE AND PERCEPTION OF USERS ATENDED AT FAMILY HEALTH STRATEGY OF PIRAÍ-RJ. Revista Científica do CRO-RJ (Rio de Janeiro Dental Journal), [S.l.], v. 4, n. 3, p. 54-62, mar. 2020. ISSN 2595-4733. Disponível em: <http://revcientifica.cro-rj.org.br/index.php/revista/article/view/118>. Acesso em: 21 set. 2020. doi: https://doi.org/10.29327/24816.4.3-9.
Seção
Artigos